InícioInício  CalendárioCalendário  FAQFAQ  BuscarBuscar  MembrosMembros  GruposGrupos  Registrar-seRegistrar-se  Conectar-seConectar-se  

Compartilhe | 
 

 Orib - E a viagem para as Sanguinárias

Ir em baixo 
AutorMensagem
DiceScarlata
JOGADOR
avatar

Mensagens : 108

MensagemAssunto: Orib - E a viagem para as Sanguinárias   Sab Set 15, 2018 9:28 pm

Aquele que caminha nos céus

Primeiro dia




*A primeira visão de Orib ao alçar os céus, fora o belíssimo mercado das nuvens, Vectora! Parece que haviam chego a cidade bem no momento em que a cidade voadora fazia seu percurso por lá. A ironia dolorosa porém, era aquela já conhecida por uma nerd fã de rpg: Estar em um evento lotado de tesouros magníficos, mas sem um tostão furado no bolso. Maldito Nimb.* 

*Sem muita escolha seguiu para seu plano individual e... Voou!*



*Como descrever a sensação? Gelo desceu por dentro da barriga e percorreu todas as veias de seu corpo, conforme fora atingido por pancadas de vento ao acelerar no infinito celeste, rumo a seu objetivo. Com o tempo, seu corpo se acostumou a sensação de voar, como se houvesse uma barreira natural criando vácuo e perfurando o vento a sua frente (igual a Dbz). A vista abaixo era linda. Voando a 160 km/h, assistindo cidades, vilas e a imensidão verde, Orib deu-se conta que não era exagero dizer que Arton de fato era enorme. Se voando, sem quaisquer obstáculos a frente, havia percorrido tamanho caminho sem sequer deixar deheon, imaginou os aventureiros heroicos que iam a cavalo ou mesmo a pé! Realmente, aventureiros!* 

*Ela ainda contemplava, quando uma imensa sombra projetou-se as suas costas. Um guincho ensurdecedor espancou seus tímpanos a tirando do eixo, antes da enorme fera dilacerar-lhe a carne e partir os ossos usando um rasante ataque com suas garras. Sangue jorrou, a terra girou cada vez mais próxima e então escuridão*

*Bem... Isso é o que chamam de falha crítica, afinal* 

_______________________________________________________________

 - Você está bem? 

*Uma sensação macia foi o que sentiu ao abrir os olhos. Repousava a nuca em um par de coxas. A garota a encarava de cima, com um olhar preocupado, enquanto derramava aquele liquido amargo em seu lábios. A dor piorava muito antes de ir embora. Sem poder fazer mais nada, bebeu tudo, enquanto ela lhe acariciava os cabelos* 


 - Eu nunca imaginei que ia ver uma Halfling caindo do céu... Muito menos sobrevivendo a queda! E essa ferida nas suas costas, que horror! É um milagre de Lena você estar viva... Ou sorte de Nimb!

_________________________________________________

O que fará? 
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Tiagoriebir
JOGADOR
avatar

Mensagens : 6

MensagemAssunto: Re: Orib - E a viagem para as Sanguinárias   Sab Set 22, 2018 1:17 pm

— Eu... er... Oi — Foi tudo o que Orib conseguiu responder de pronto. Conforme a garota falava, a halfling ia se lembrando relances do que havia acontecido. Não que ela lembrasse muita coisa. Havia visto Vectora, singrado os céus de Deheon, sentido o prazer de perfurar as nuvens do céus só com sua vontade... E de repente, dor e escuridão.

Apenas quando a menina lhe falou do ferimento nas costas ela se deu conta que ali era a principal fonte de dor. Sofreu algum tipo de ataque. Fechou os olhos. Graças à sua memória agora infalível, ela lembrava claramente sua pontuação e sua quantidade de Pontos de Vida. Não conseguiu ver o que lhe atacou, mas foi definitivamente algo massivo. Ficou imaginando como algo capaz de causar tamanha destruição pudesse perscrutar os céus daquele reino... Mas ela mesmo havia notado o quão extenso era aquele mundo. Enfim. Abriu os olhos. A garota lhe acariciava os cabelos. Fazia anos desde a última vez que alguém lhe manifestou qualquer demonstração de carinho. Sorriu.

— O... Obrigada. Talvez seja um capricho de Nimb, mesmo — deu um riso dolorido.

— Não se preocupe com a ferida nas costas. isso acaba se curando, mais cedo ou mais tarde... Você disse que me viu cair? Você anotou a placa do caminhão que me atropelou?

Ante a expressão de dúvida da garota, a halfling se deu conta de que estava falando coisas que ela certamente nunca havia ouvido falar.

— Quis dizer... Você viu se algo me atacou ou se distanciava de mim, enquanto eu caía?

Ela não fez menção de sair do aconchego da garota.

— A propósito, — sorriu mais uma vez — me chamo Orib.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
DiceScarlata
JOGADOR
avatar

Mensagens : 108

MensagemAssunto: Re: Orib - E a viagem para as Sanguinárias   Sex Set 28, 2018 10:36 pm

Dia de caça!



 - Sou Marina, muito prazer Orib! Nós vimos sim. Estávamos caçando a fera... De certa forma, foi culpa nossa, sinto muito. 



-Era um Pássaro de Roca. Eles são nativos de regiões montanhosas e são capazes de erguer até mesmo casas. Mas este está aqui, caçando em uma região florestal. E a razão é simples. Ele foi invocado. O ataque a você confirma isso. Há vestígios de magia que o trouxe em você. Posso farejar. Tsc. Sou Hazel a propósito.


 - Aqueles malditos do culto, vão nos pagar. Por causa deles a Tsubaki já... Grr... Vamos!! A criatura ainda está a solta e pode fazer mais vitimas! Dê mais uma poção de cura a Halfling e a mande embora!! CAÇADORES DE MONSTROS DE PÉ!!! 

*As meninas se ergueram e você percebeu aquele detalhe em todos eles. Armas, armaduras e itens feitos de monstros. Os três! Não só bem armados, mas havia uma aura diferente que os cercava, uma força provindo de uma longa experiência enfrentando a morte* 

 - Desculpe o Rikel, ele tem motivos para estar nervoso. Este pássaro é nossa presa e feriu um de nós. Ele não deveria estar aqui... Sequer é deste mundo. Cá entre nós, um segredinho: Nós também! Nós somos caçadores de monstros de outro mundo! Hehehe! Não conte a ninguém. 

*Ela colocou a poção em sua mão e se ergueu, pronta a se juntar aos demais* 
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Tiagoriebir
JOGADOR
avatar

Mensagens : 6

MensagemAssunto: Re: Orib - E a viagem para as Sanguinárias   Seg Out 01, 2018 9:46 pm

— Prazer em conhecê-los, Marina, Hazel e Rikel — respondeu Orib, com um sorriso amistoso, aceitando a pocão que marina lhe entregava.

— Mas esperem um momento — pediu Orib, antes que o grupo fizesse mais movimentos no sentido de fugir. — Se o monstro foi invocado, então quem o invocou? E porque vocês estão aqui caçando ele? E como assim, vocês são de outro mundo? Podem, por favor, me explicar antes de irem?

Orib se fazia de desentendida e confusa, mas sua mente maquinava ante as possibilidades.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
DiceScarlata
JOGADOR
avatar

Mensagens : 108

MensagemAssunto: Re: Orib - E a viagem para as Sanguinárias   Qua Out 10, 2018 7:52 pm

Dia de caça!



Marina

 - A verdade é que... bem...

*Marina olhou para os demais e parou e parou em Rikel. Parecia pedir por algum tipo de aprovação que só ele poderia dar. Um líder tal vez? Ele apenas suspirou, relaxando o aperto dos punhos - que por sua vez fez as faíscas desaparecerem - e a encarou diretamente* 

Rikel
- Vá em frente... Não é como se ela vá acreditar me nós, exatamente como o resto desses Artonianos. Temos alguns segundos até a isca fazer efeito... Isso se fizer. Caso não atraia a criatura, teremos de correr novamente, então, se quer gastar seu tempo e folêgo falando, que seja. 

*Rikel então sentou e passou a ingerir algum tipo de poção amarelada. Marina sorriu com um suspiro e sentou-se próxima a Orib, parecendo um tanto empolgada em poder compartilhar aquela história* 


- Nós viemos de um mundo conhecido como "Chacina", um dos vinte mundos dos deuses louvados pelas lendas Artonianas. Mas juro, é muito real! É para lá que as "almas dos monstros"vão quando são destruídos aqui... mas muitos humanos, elfos e anões também vão! E também, há povos mortais que lá moram, mesmo sem terem morrido e jogado lá pelo grande fluxo. É o nosso caso e da nossa tribo. Somos os caçadores de monstros, uma guilda que sobrevive em pequenas comunidades espalhadas por todo o reino divino. Lá um mundo violento, com pouca gentileza, então nós temos de ser fortes e brutais. Alguns de nós até adquirem traços bestiais. Nossa matéria prima, são os monstros. Nossas vilas, armas, armaduras, alimento... Tudo provém dessas criaturas! É uma vida dura, mas sobrevivemos e cuidamos dos nossos. Mas então... A atividade dos monstros mudou. Criaturas fortes demais começaram a invadir áreas onde só existiam as fracas. O tênue equilíbrio da cadeia alimentar que lá existe foi alterado... E viemos descobrir porquê só recentemente.

"Megalomaquia"

"Uma organização poderosíssima, composta por clérigos e druídas de Megalokk, bem como monstros, tanto irracional como especialmente inteligentes. Normalmente, eles vivem isolados, cuidando de seus nichos e habitats, mas descobrimos após muitas caçadas e companheiros mortos, que eles estão sendo organizados e liderados por uma criatura. O atual sumo-sacerdote do deus dos monstros: Kiielettyenenn!!!"

"Ele tem usado sua magia monstruosa para invocar criaturas de nosso mundo e modificá-las! As vezes elas até retornam, mas mais violentas, brutais e poderosas. Comunidades inteiras de nosso povo morreram por causa disso. Sobreviver a eles já era difícil o bastante, mas com a intervenção dele... E o pior não vai até ai. O real objetivo da organização Megalomaquia: O retorno da era de Megalokk!"

"Sim, eles desejam que aquele reino de atrocidades de bilhões de anos atrás, já esquecido pelos povos civilizados, retorne! Mas nós sabemos da história, pois ela está gravada em pinturas rupestres nas cavernas de nosso mundo! Mas mais do que isso.. Nós vivemos nessa era! E é um inferno. Conseguimos sobreviver nos mantendo ocultos e sendo mais inteligentes e mais fortes. Mas é impossível progredir. É muita violência. E agora, que Tauron criou essa "era do mais forte", não é impossível que o sumo-sacerdote consiga seu objetivo! Ainda tentamos entender como ele fará isso, mas tem haver com um ritual, que abrirá portais imensos ligando nosso mundo a Arton. Então em meio ao caos e destruição ele avançará com seus exércitos de monstros colossais"

"Até agora só fez experimentos. Eu não sei o quão perto ele está de cumprir seu objetivo, mas..."

*Então, veio o guincho. Rasgando o vento e a distância. As nuvens foram perfuradas e um ponto longínquo logo ganhava proporção. A fera alada surgia nos céus* 






*Marina saltou rapidamente e no instante seguinte estava ao lado de Rikel e Hazel, que já empunhavam suas armas de trovão e gelo. *

- CAÇADORES DE MONSTROS!!! PREPAREM-SE!!! MATEM A CRIATURA E OBTENHAM SUAS PENAS!!! PELA NOSSA GUILDA E NOSSO POVO!!

*E as duas responderam em unísssono, avançando com ele para a batalha* 

*A criatura chegará em literais instantes. O que Orib fará? *
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Conteúdo patrocinado




MensagemAssunto: Re: Orib - E a viagem para as Sanguinárias   

Voltar ao Topo Ir em baixo
 
Orib - E a viagem para as Sanguinárias
Voltar ao Topo 
Página 1 de 1
 Tópicos similares
-
» A Noite Sem Fim - Serenata para a Eternidade (Crônica Oficial)
» Com conseguir dinheiro de graça para sua conta paypal
» Pedidos para scripts de netplay para eu personalizar meu game
» Perfect WebSystem para TelamLudus v3 - By Nietore
» Recrutamento para "Super Mario Starter Kit"

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
Fórum do Mamute :: PbF (Play by Fórum) :: Campanhas :: Mesas do Ruivo :: Defensores de Outro Mundo-
Ir para: